Conheça nossos cursos
Conheça nossos cursos

ENEM

Redação sobre pandemia: estrutura, repertório e o que escrever

Mercado de Trabalho

Como montar o currículo de professor de educação física perfeito

ENEM

Redação sobre pandemia: estrutura, repertório e o que escrever

Por EAD CESMAC em Jul 20, 2022 4:12:50 PM | 6 min de leitura

Redação sobre pandemia é uma aposta forte de tema para o Enem. Afinal, além de ser um assunto super atual, é possível abordar diversas perspectivas da temática de acordo com a proposta do exame.

Ou seja, mesmo que sua redação não seja especificamente sobre a pandemia, você pode utilizar o repertório sobre esse assunto em diversas outras propostas, como é o caso de um tema sobre ensino à distância, por exemplo.

Para ajudá-lo, apresentamos neste artigo diferentes formas de como a pandemia pode ser cobrada em um tema de redação do Enem. Fique conosco e descubra passo a passo como escrever o seu texto!

Aqui você vai conferir:
Como a pandemia pode ser abordada no Enem
A estrutura ideal para uma redação sobre pandemia
Não se esqueça dos textos motivadores!

Descubra os segredos para tirar nota 1000 no ENEM!

Como a pandemia pode ser abordada no Enem

A pandemia afetou diversos campos da sociedade e causou várias mudanças na nossa forma de viver.

Então, sendo um dos principais acontecimentos da atualidade, é muito provável que o Enem aborde esse episódio por meio de diferentes temas de redação.

Confira algumas propostas a seguir:

Saúde pública

Dentre todos os setores afetados pela pandemia, sem dúvidas, o da saúde pública foi um dos principais. Dezenas de hospitais atingiram o limite da sua capacidade por todo país e pessoas morreram esperando vagas na UTI.

Por um lado, esse colapso do sistema mostrou o quanto o país ainda precisa melhorar seu sistema de saúde. Mas, por outra perspectiva, também evidenciou o tanto que o SUS (Sistema Único de Saúde) é importante para todo mundo.

Sendo um assunto tão amplo e atual, a questão da saúde pública é uma ótima aposta de tema para a redação do Enem.

Saúde mental

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a pandemia aumentou 25% da prevalência de ansiedade e depressão em todo o mundo.

Fatores como o isolamento social, perda de entes queridos e o cenário de incerteza, influenciaram bastante no agravamento do quadro de saúde mental global.

Com isso, esse tema está mais em alta do que nunca, sendo uma boa aposta de redação sobre a pandemia.

Fatores socioeconômicos

Diversos brasileiros perderam o emprego e milhares de negócios quebraram durante a pandemia, causando redução na qualidade de vida e insegurança financeira para a sociedade.

Além disso, esse desastre econômico e social ainda deixou uma alta inflação mesmo após a redução dos casos e volta das atividades. Segundo a ONU (Organização das Nações Unidas), quase 10% da população mundial sofreu com a fome em 2021.

Esse tema levanta diversos debates, como desigualdade social e insegurança alimentar, que podem cair na redação do Enem.

Redação sobre pandemia - mulher ajustando máscara no rosto

Relações pós-pandemia

Se as relações pessoais já mudaram bastante com o crescimento da internet nos últimos anos, o Covid-19 acelerou ainda mais essa mudança. Como não era possível ter contato próximo, as pessoas tiveram que recorrer ao online.

Contudo, mesmo após as medidas restritivas diminuindo, as interações sociais presenciais não voltaram a ser como antes.

Falando em relações, os relacionamentos amorosos também podem ser uma pauta interessante de redação, já que o Brasil bateu recorde de divórcios durante esse período.

Ou seja, as relações pós-pandemia são outra ótima aposta de temática para a próxima edição do Enem.

Mudança nos hábitos de consumo

Você fez alguma comprinha online durante a pandemia?

Se sim, você não foi o único.

Conforme uma pesquisa da McKinsey & Company, a digitalização de empresas e consumidores cresceu em 8 semanas o esperado para 5 anos.

Essa foi a melhor forma que clientes e negócios encontraram de continuar a vida sem sair de casa, o que provocou uma mudança nos hábitos de consumo da sociedade. Afinal, as pessoas continuam consumindo online mesmo com a volta do presencial.

Consumismo e digitalização são alguns exemplos de pautas que podem ser abordadas em uma redação sobre a pandemia.

Trabalho remoto

Como o mercado ficou mais digital, o trabalho também ficou!

Nos dois anos de Covid-19, o trabalho remoto mostrou dois lados.

Em uma face, evidenciou que diversas profissões não precisam sair de casa para trabalhar, reduzindo custos com transporte e tempo. De outra, muitos profissionais perderam a noção da separação entre trabalho e momento pessoal.

Sendo assim, é uma questão bem interessante para se abordar na redação do Enem!

EAD (Ensino à Distância)

Como foi estudar a distância durante a pandemia?

A pandemia também impactou bastante a educação. Para alguns, de maneira positiva. Para outros, nem tanto.

O modelo EAD gerou uma série de controvérsias entre os pais, alunos e professores, sendo, portanto, também um tema excelente para uma redação sobre pandemia.

A estrutura ideal para uma redação sobre pandemia

E como produzir essa redação sobre pandemia? Confira a seguir uma sugestão de estrutura:

Introdução

Para algumas pessoas, a maior dificuldade é começar. Por isso, trouxemos algumas ideias de como você pode iniciar seu texto:

  • Traga um dado histórico;
  • Apresente um dado estatístico;
  • Faça uma comparação — pode ser entre épocas ou países, por exemplo;
  • Cite uma frase impactante (e relacionada com o tema);
  • Coloque a definição de um conceito chave.

O ideal é trazer um contexto, apresentar o tema e colocar sua tese (o que você acha do tema). É recomendado utilizar de 5 a 6 linhas nessa parte.

Redação sobre pandemia - mulher passando álcool em gel nas mãos

Desenvolvimento

Nessa parte, você precisa argumentar.

Pense em dois argumentos válidos para defender a sua tese e pense em como você pode embasar sua teoria, ou seja, o repertório utilizado para defender seu ponto de vista (fato histórico, estatística, citação, dentre outros).

Além disso, lembre-se de utilizar conectivos para ligar seus parágrafos, como:

  • ademais;
  • além disso;
  • somado a isso;
  • primeiramente;
  • em primeiro lugar;
  • em segundo lugar.

De preferência, cada parágrafo argumentativo deve ter entre 7 e 8 linhas.

Conclusão

Por fim, você precisa promover uma proposta de intervenção para resolução do problema apresentado na sua redação.

Essa conclusão precisa conter:

  • solução;
  • agente responsável — Ministério da Saúde, mídia, entre outros;
  • meio de resolver o problema;
  • resultado.

Assim como o desenvolvimento, é importante utilizar conectivos nessa parte, mas, dessa vez, conclusivos, como:

  • por fim;
  • sendo assim;
  • dessa forma;
  • dessa maneira;
  • então;
  • portanto;
  • por isso;
  • em vista disso.

Não se esqueça dos textos motivadores!

Como você viu, uma redação sobre a pandemia pode ter diversas abordagens.

Por isso, é essencial ler os textos motivadores para entender plenamente o assunto que você precisa escrever, evitando fugir do tema.

Além disso, eles também podem ter informações relevantes para dar ideias de argumentos para sua redação.

Então, leia os textos motivadores com bastante atenção!

E então? Qual tema você acha que vai cair na redação do Enem? Independente do que for, é importante estar bem preparado. Portanto, treine bastante e boa sorte!

Aproveite e leia também:

Use sua nota do ENEM para ganhar uma bolsa de estudos!

ENEM

Veja mais conteúdos sobre EAD e educação

As reações explicadas pela cinética química [Química no Enem]

Está se preparando para a prova de Ciências da Natureza do Enem? Não esqueça de incluir no seu roteiro de estudos a ...
7 min de leitura

O que falar em uma redação sobre racismo?

O que você escreveria em uma redação sobre racismo no Enem? Esse é um tema bem abrangente, então, você pode ter ...
7 min de leitura

Qual a diferença entre forças intramoleculares e intermoleculares?

O conteúdo de forças intramoleculares e intermoleculares aparece com frequência no Enem. Se você não tem muita ...
4 min de leitura
Ver mais conteúdossobre ENEM